Não perca essa oportunidade! Preencha e receba agora mesmo os preços e detalhes:
Eu li e concordo com os Termos de Uso e a Política de Privacidade
Ligue já e
agende sua consulta
11 3034-4238 11 9-9734-6584

Cirurgia de catarata: tipos de lente

Catarata: Exames que você precisa fazer

A catarata é a doença responsável por cegar o maior número de pessoas no país. Descubra se ela tem cura.Na cirurgia de catarata a lente que substitui o cristalino também pode ajudar o paciente com outros problemas oftalmológicos. Conheça os tipos de lentes que podem ser usadas.

A catarata é um problema oftalmológico que acomete principalmente os idosos com idade acima dos 55 anos. A doença atinge o cristalino, lente natural dos olhos responsável pela formação de imagens e no início pode causar pequenas dificuldades na visão, no entanto, com a evolução da catarata, o paciente pode chegar até o estágio de cegueira.

Apesar de alguns pacientes sentirem melhorias nos sintomas com o uso de óculos ou colírios, o único tratamento realmente eficaz na cura da catarata é a cirurgia, onde o cristalino é substituído por uma lente artificial intraocular (LIO). Além de realizar a função do cristalino, a lente intraocular também pode solucionar problemas como miopia e hipermetropia, por exemplo, dependendo do tipo de lente escolhida.

Entenda quais são os modelos de lente disponíveis e para que cada uma delas serve.

Quais são os tipos de lente da cirurgia de catarata?

Com a evolução dos procedimentos cirúrgicos de retirada da catarata, as lentes rígidas foram deixadas de lado, para serem substituídas pelas lentes flexíveis, que podem ser dobradas e, com isso, é possível fazer um corte menor durante a cirurgia. Mas além da textura e maleabilidade das lentes, também existem modelos diversos que ajudam a corrigir vários problemas oftalmológicos.

As lentes flexíveis estão disponíveis nos modelos monofocaistóricas ou não-tóricas, multifocais tóricas ou não-tóricas e acomodativas. Entenda um pouco mais sobre cada modelo.

Lente intraocular monofocal não-tórica

Essas lentes costumam ser indicadas para pacientes que não possuem um grau de astigmatismo alto, geralmente abaixo de 1. As lentes monofocais não-tóricas são usadas principalmente para a correção de miopia com grau baixo ou hipermetropia de até 6 graus.

Assim como ocorre com a lente monofocaltórica, essa lente não exclui a possibilidade de o paciente necessitar de óculos para perto após a cirurgia de catarata.

A Central da Catarata possui quatro clínicas afiliadas que oferecem um pacote de cirurgia de catarata que inclui a lente intra-ocular monofocal não-tórica, exames para catarata, sala cirúrgica, equipe médica, anestesia e de duas a três consultas pós-operatórias. Para consultar o preço da cirurgia de catarata com a lente monofocal, clique aqui.

Lente intraocular monofocaltórica

Indicadas para pacientes acometidos por astigmatismo com graus médios/altos, as lentes intraoculares monofocaistóricas possuem curvaturas calculadas para corrigir o astigmatismo, o que ajuda o paciente a diminuir muito a dependência de óculos "para longe".

Apesar de corrigir a visão para longe, após o procedimento de retirada da catarata é comum que o paciente ainda necessite de óculos para melhorar sua visão de perto.

As clínicas afiliadas à Central da Catarata também podem oferecer esse tipo de lente, caso seja a indicação do médico oftalmologista na avaliação pré-operatória, mas o valor desta lente é cobrado a parte do pacote de cirurgia.

Lente intraocular multifocal tórica

As lentes multifocais são consideradas as mais modernas, pois possuem pontos de foco tanto para longe, quanto para perto. Por isso, são as mais indicadas aos pacientes que desejam corrigir ambos problemas de uma vez só.

A lente multifocal tórica é indicada apenas para os pacientes que possuem astigmatismo com grau médio. Entretanto, há situações em que o paciente continuará precisando usar óculos.

As clínicas afiliadas à Central da Catarata também podem oferecer esse tipo de lente, caso seja a indicação do médico oftalmologista na avaliação pré-operatória, mas o valor desta lente é cobrado a parte do pacote de cirurgia.

Lente intraocular multifocal não-tórica

Também indicadas para pacientes que desejam corrigir problemas oftalmológicos para longe e para perto, as lentes multifocais não-tóricas são recomendadas para aqueles pacientes que possuem astigmatismo com grau baixo. Entretanto, há situações em que o paciente continuará precisando usar óculos.

As clínicas afiliadas à Central da Catarata também podem oferecer esse tipo de lente, caso seja a indicação do médico oftalmologista na avaliação pré-operatória, mas o valor desta lente é cobrado a parte do pacote de cirurgia.

Lente intraocular multifocal acomodativa

As lentes multifocais acomodativas são modelos que procuram imitar a anatomia natural do cristalino, ou seja, elas simulam o movimento de acomodação das lentes naturais dos olhos, bem como também se adaptam às focalizações para longe ou para perto conforme o músculo ciliar as movimenta.

As clínicas afiliadas à Central da Catarata também podem oferecer esse tipo de lente, caso seja a indicação do médico oftalmologista na avaliação pré-operatória, mas o valor desta lente é cobrado a parte do pacote de cirurgia.

Tempo de recuperação da cirurgia de catarata

Apesar de ser considerada simples, a cirurgia de catarata demanda alguns cuidados pós-operatórios como qualquer outro procedimento. Na maioria dos casos, os cuidados pós-operatórios são realizados através de colírios antibióticos e anti-inflamatórios, indicados pelo cirurgião responsável.

Além disso, o paciente também não poderá realizar nenhum tipo de esforço físico durante o período de recuperação da cirurgia, não deverá fazer uso de maquiagem nessa região e usar o protetor acrílico pelo tempo determinado pelo médico. Também é de suma importância que o paciente não coce ou esfregue a região dos olhos, tome cuidado com a posição para dormir e evite piscinas durante certo período.

Como saber qual é a lente ideal para os meus olhos?

Para escolher a lente ideal para ser usada na sua cirurgia de catarata, é necessário que você se consulte com um oftalmologista e realize exames específicos que podem indicar quais outros problemas oftalmológicos você possui e, desta forma, o profissional poderá te indicar a lente ideal para o seu caso.

A lente mais utilizada é a lente intraocular monofocal não-tórica. A Central da Catarata possui quatro clínicas afiliadas que oferecem um pacote de cirurgia de catarata quem inclui exames para catarata, a sala cirúrgica, equipe médica, anestesia, de duas a três consultas pós-operatórias e a lente intra-ocular monofocal. Para consultar o preço da cirurgia de catarata com a lente monofocal, clique aqui.